Violência Adolescente é morta no Rio por ladrões de celular Polícia Militar afirma que garota reagiu à investida criminosa na Zona Norte do Rio, mas Polícia Civil alega que tiros foram disparados porque assaltantes não conseguiram desbloquear o celular

Por: Agência Brasil

Publicado em: 16/05/2018 10:05 Atualizado em:

Foto: Soraia / Facebook
Foto: Soraia / Facebook
Uma menina de 17 anos foi assassinada na noite da terça-feira (15), durante um assalto na Ilha do Governador, na zona norte do Rio de Janeiro. Soraia Macedo de Lemos foi abordada por dois criminosos na rua Estocolmo, na localidade do Guarabu.

Segundo a Polícia Militar, os homens estavam em uma moto e tentaram levar o aparelho celular da jovem. Segundo informações da PM, Soraia reagiu ao assalto e, por isso, os criminosos atiraram.

Outras mídias relatam, no entanto, que, de acordo com a Polícia Civil, a jovem não chegou a reagir e que os assaltantes atiraram porque ela não conseguiu desbloquear o celular.

Soraia chegou a ser levada para o Hospital Evandro Freire, mas não resistiu ao ferimento. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da Capital.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.