Operação Policiais tentam recuperar restos mortais de estudante da Uerj Matheusa Passarelli foi assassinada no Morro do 18, Zona Norte do Rio de Janeiro, e, segundo polícia, teve corpo provavelmente carbonizado

Por: Agência Brasil

Publicado em: 14/05/2018 11:03 Atualizado em:

Foto: Matheusa Passarelli / Instagram
Foto: Matheusa Passarelli / Instagram
Policiais civis da Delegacia de Descoberta de Paradeiros fazem na manhã desta segunda-feira (14) uma operação no Morro do 18, em Água Santa, na zona norte da cidade do Rio de Janeiro. O objetivo é localizar e recuperar os restos mortais da estudante Matheus Passarelli, também conhecida como Matheusa por parentes e amigos.

Durante a ação, que conta com o apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais da Polícia Civil (Core), um agente da unidade foi baleado na perna e socorrido pelos companheiros. Ainda não há informações sobre o estado de saúde dele.

Matheusa desapareceu no dia 29 de abril, depois de uma festa em que havia sido contratada para trabalhar como tatuadora, no bairro do Encantado. A polícia concluiu que Matheusa foi assassinada no Morro do 18 e que seu corpo foi possivelmente carbonizado.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.