• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Feminicídio Policial militar atira em esposa e depois se mata em apartamento O crime foi presenciado pela filha do casal, que também saiu com lesão e poderá passar por uma cirurgia

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 14/03/2018 09:04 Atualizado em: 14/03/2018 09:10

O crime ocorreu no bairro de Jardim Três Marias, em Taboão da Serra, na Grande São Paulo. Foto: StreetView/Google/Reprodução (Foto: StreetView/Google/Reprodução)
O crime ocorreu no bairro de Jardim Três Marias, em Taboão da Serra, na Grande São Paulo. Foto: StreetView/Google/Reprodução


Um novo caso de feminicídio foi registrado nesta quarta-feira (14) no estado de São Paulo. Um policial militar atirou na mulher e depois dos disparos atentou contra a própria vida no apartamento do casal. 

O crime foi presenciado pela filha de 10 anos, que assistiu a briga e chegou a ficar ferida durante a investida. De acordo com a equipe da Polícia Militar, quem prestou socorro, a menina saiu de casa chorando e gritando que os pais tinham sido baleados. Embora passe bem, a criança poderá ainda passar por uma cirurgia.

O caso abre alerta para os demais números de feminicídio no estado. Conforme mostra um estudo realizado pelo Ministério Público, 45% dos casos de assassinato de mulheres ocorrem em decorrência a uma separação ou pedido de separação. Na maioria dos casos, o agressor é o próprio marido ou namorado. 

A investigação do assassinato desta quarta está a cargo da PM. No momento, o local está ainda interditado com viaturas do Corpo de Bombeiros, da Guarda Municipal e de ambulâncias no local. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.