• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
violência Para escapar das agressões do marido, mulher se joga do segundo andar do prédio. O crime aconteceu na manhã da última terça, segundo relatos dos médicos, a jovem corre o risco de ficar paraplégica

Publicado em: 10/01/2018 22:09 Atualizado em: 10/01/2018 22:30

Tentando escapar das agressões do marido, uma mulher de 23 anos, preferiu arriscar a própria vida. Após chegar embriagado em casa, o marido da vítima começou a ameaça-la a acusando de traição. Sem saída, a vítima se jogou pela janela de casa, do 2º andar de um prédio. 

O crime aconteceu em Manaus na manhã da última terça-feira (9). O marido, de 27 anos, foi preso mas solto logo em seguida após pagar fiança. Já é a segunda prisão do homem que em 2014 foi detido após fazer corte no braço de uma ex-companheira. 

No relato, a delegada Débora Mafra conta que o homem "chegou em casa embriagado", a após ameaças "pegou a cabeça da vítima e bateu contra a parede, de forma que fez uma lesão em seu rosto". Após isso, o homem teria ido até a cozinha, momento no qual a jovem se atirou pela janela. 

Segundo relato da delegada, a vítima escolheu se jogar por preferir "se matar para não morrer na mão dele". Uma vez que, minutos antes o homem teria dito:'você não sabe o que eu vou fazer com você'. 

Após a queda, o homem ainda tentou arrastar a vítima até seu carro, mas foi impedido por vizinhos que também sofreram ameaças. 

A mulher foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no local e levada ao Pronto-Socorro. Houve fratura de uma vértebra e riscos de paraplegia. 

A fiança para o agressor foi estipulada em R$ 2,5 mil e foi paga por sua família. O homem pode responder na Justiça por lesão corporal e injúria.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.