• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Chapecoense Cléber Santana, jogador de Abreu e Lima, entre os mortos na queda de avião Atleta começou a carreira profissional no Sport Club do Recife. A família do meia mora em Olinda

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 29/11/2016 08:11 Atualizado em: 29/11/2016 10:14

Cléber Santana, jogador de Abreu e Lima, entre os mortos na queda de avião da Chapecoense. Foto: Divulgação
Cléber Santana, jogador de Abreu e Lima, entre os mortos na queda de avião da Chapecoense. Foto: Divulgação
Entre os 76 mortos após a queda de um avião que transportava a delegação do Chapecoense está o jogador pernambucano Cléber Santana Loureiro, mais conhecido como Cléber Santana. Nascido em Abreu e Lima no dia 27 de junho de 1981, ele começou a carreira profissional no Sport Club do Recife.

Cleber deixa esposa e dois filhos, que moram na cidade de Chapecó, em Santa Catarina. Já os pais do atleta residem no bairro de Ouro Preto, em Olinda, Região Metropolitana do Recife (RMR). A mãe foi informada da tragédia pela televisão.

Consternado, o empresário Ítalo Pontes, amigo de Cléber, conversou com o Diario esta manhã. "Não sei se estou preparado para falar. É só tristeza nesse momento. Não tenho palavras pra dizer sobre essa perda. Ali estavam, além de amigos, pessoas de uma índole ímpar. Quando eles estavam no aeroporto, falei por telefone com Caio Júnior (outro jogador morto no acidente) e ele estava esbanjando felicidade. Tomara Deus que ainda tenha mais sobreviventes", disse o empresário, bastante emocionado.

Atuando como volante ou meia, Cléber foi revelado no Sport e permaneceu no time até 2003. Ele estava no Chapecoense desde junho de 2015. O jogador passou pelos clubes brasileiros Vitória e Santos, passando por uma temporada no Kashiwa Reysol na J. League em 2005. Em julho de 2007, Cléber assinou com o Atlético de Madrid um contrato de três anos no valor de 6 milhões de euros.

Em 2008-2009, Santana foi emprestado ao Mallorca. Cléber voltou ao Atlético. No final de janeiro do ano seguinte, apesar de ter renovado contrato até junho 2012, Cléber retornou ao Brasil, assinando com o São Paulo. O atleta atuou todo o restante do ano de 2010 pelo Tricolor Paulista e, no ano seguinte, foi emprestado ao Atlético Paranaense, onde disputou o Campeonato Brasileiro e a Copa Sul-Americana.

Para a temporada de 2012, Cléber Santana foi anunciado como reforço do Avaí. Chegou a ser sondado para reforçar o Palmeiras, mas o Maestro, como era chamado pelos torcedores do Avaí, resolveu permanecer em Florianópolis.

No dia 17 de setembro de 2012, o Flamengo acertou sua contratação até o fim de 2014. Emprestado ao clube carioca até o último dia de seu vínculo com o São Paulo, 31 de janeiro de 2013, Santana assinou um pré-contrato com o Flamengo até o final do ano seguinte.

Em maio de 2013, Cléber Santana, depois de meses negociando, acertou sua volta para o Avaí. Com negociações com o Criciúma, Cléber conseguiu a rescisão do seu contrato com o Avaí. Sonho antigo do Criciúma, Cléber Santana acertou com o Tigre no dia 22 de agosto de 2014. Em 17 de junho de 2015 ele foi contratado pela Chapecoense até o final do ano para a disputa do Campeonato Brasileiro.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.