• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Violência » Rebelião em presídio de Parintins termina com dois mortos

Agência Brasil

Publicação: 02/09/2014 18:16 Atualização:

Terminou na noite de ontem (1º), por volta das 22h, no horário de Brasília, uma rebelião na Unidade Prisional de Parintins, a 369 quilômetros de Manaus. De acordo com a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos do Amazonas, foram confirmadas duas mortes. Uma das vítimas teve a cabeça cortada e jogada para fora do presídio.

A secretaria informou que está avaliando os prejuízos, uma vez que muitas instalações foram destruídas durante a rebelião, e que os presos não fizeram reivindicações. O fim do levante ocorreu após a chegada do Batalhão de Choque da Polícia Militar, procedente de Manaus.

Segundo a Polícia Militar de Parintins, ontem, por volta das 12h30, horário de Brasília, uma discussão entre detentos em uma cela desencadeou o levante. Eles quebraram cadeados, queimaram colchões e tomaram o presídio. Agentes penitenciários e 26 internos, que não quiseram participar da rebelião, saíram do local. O presídio abriga 155 detentos.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.