• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Brasília » Sem-terra cobram ampliação do plano de habitação rural

AE

Publicação: 12/08/2014 14:49 Atualização:

O grupo de trabalhadores rurais sem terra que ocupou a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), na madrugada desta terça-feira, 12, cobra do governo federal a ampliação do Plano Nacional de Habitação Rural (PNHR).

Segundo um dos coordenadores da ocupação, José Augusto Junior, da Federação do Trabalhadores da Agricultura Familiar (Fenatraf) do noroeste de Minas Gerais, o plano de habitação não chegou à região após promessas do governo. "O governo criou o plano e disse que o dinheiro chegaria, mas a informação que a gente tem é de que o dinheiro só foi para o Sul", afirmou.

De acordo com a Fenatraf, cerca de 500 militantes ocupam as dependências do órgão federal na região central de Brasília.

O coordenador da Fenatraf no Distrito Federal, Ariolino Ferreira da Costa, disse que a ocupação também ocorre por causa da demora do governo em regularizar uma área no entorno de Brasília que está ocupada de forma irregular há três anos. O governo, segundo ele, teria se comprometido a desapropriar um terreno da União para ceder aos sem terra.

O grupo espera conseguir uma reunião com a diretoria do Incra ainda hoje para tratar da pauta da ocupação. "Nós fizemos a ocupação para discutir uma pauta que está reprimida", disse Costa.

Procurada, a Secretaria Geral da Presidência da República disse que a pauta será tratada diretamente pelo Incra, sem envolvimento do Palácio Planalto.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.