• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Flagrante » PM é presa após balear idoso na zona leste de São Paulo

AE

Publicação: 11/08/2014 14:04 Atualização:

A Polícia Militar prendeu em flagrante delito a policial que atirou em um homem de 63 anos após confusão provocada por uma abordagem policial, em Itaquera, na zona leste da capital paulista, na tarde deste domingo, 10. A agente atirou três vezes após os moradores terem hostilizado os policiais.

De acordo com a PM, por volta das 17h30, um casal que estava em uma motocicleta Honda Twister não obedeceu ao sinal de parada dos agentes da 3ª Cia. do 39º BPM/M e fugiu. Ainda segundo a PM, o condutor da moto, Willian Costa de Araujo Ferreira, que possui criminal por roubo e cumpre pena no regime aberto, só parou em frente à residência de Carina, que estava na garupa, localizada próximo à Comunidade X do Morro.

Durante a abordagem, a PM afirmou que alguns moradores hostilizaram os policiais, com chutes e arremesso de pedras, copos de vidros e outros objetos. Para tentar contê-los, a policial efetuou dois tiros para o alto e ocorreu um terceiro disparo da arma, que acertou Mario Aparecido dos Santos, pai de Carina, que tentava retirar a filha do local.

Santos foi socorrido pelos moradores e levado ao pronto-socorro de Ermelino Matarazzo, na zona leste. Em seguida, foi encaminhado ao Hospital Santa Marcelina, também na zona leste. Seu estado de saúde é grave, mas estável.

A PM declarou que as circunstâncias do terceiro disparo "serão analisadas e julgadas pela Justiça". A policial, que alegou ter tido o braço puxado, foi encaminhada ao Presídio Romão Gomes.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.