• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

São Paulo » Haddad planeja entregar 10 km de ciclovia por semana

Agência Estado

Publicação: 04/08/2014 16:40 Atualização:

Para chegar a 200 km de ciclovias em 2014, o prefeito Fernando Haddad (PT) afirmou nesta segunda-feira (4) que pretende entregar uma média de 10 km de faixas para bicicleta por semana. A meta deste ano representa a metade do que foi prometido pela gestão.

Acompanhado do secretário municipal de Transportes, Jilmar Tatto o prefeito inaugurou mais 1,1 quilômetro de ciclovia, no Tatuapé, na zona leste. As faixas ficam juntas ao canteiro central da Avenida Vereador Abel Ferreira, entre as avenidas Salim Farah Maluf e Regente Feijó. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) precisou reduzir a largura das faixas para carro e diminuir a velocidade máxima permitida na via de 60 km/h por hora para 50 km/h. O tamanho da faixa exclusiva de ônibus não foi alterado.

Com a novidade, sobe para 11,6 quilômetros a quantidade de ciclovias entregues em São Paulo por Haddad. Até o final de 2015 a capital deve ter 400 quilômetros de ciclovias. "É um ano e meio de trabalho. Agora, não é simples você sair do zero praticamente, de 60 quilômetros de ciclovia (que já existiam antes da nova gestão) para quase 500 quilômetros", disse Haddad. "Toda semana serão dez quilômetros, cinco quilômetros, para até o final do ano que vem estar completa a malha."

Ainda em 2014 o Tatuapé deve ter um total de 10,8 quilômetros de faixas, integrando locais estratégicos do entorno do bairro como os parques da Mooca, Esportivo dos Trabalhadores (antigo Ceret), Sampaio Moreira e a estação Carrão, da Linha 3-vermelha do Metrô. "Toda semana nós vamos entregar um trecho e eles vão se interligando, de maneira que daqui a pouco a cidade vai começar a estar toda integrada", explicou o prefeito.

A capital paulista tem mais de 17 mil quilômetros de malha viária. Para a Prefeitura, o ideal seria que São Paulo tivesse mil quilômetros de vias para bicicleta. Haddad explicou que após implementar o que prometeu, a Prefeitura estudará a medida em outros bairros. "Todo o ciclista é um amigo do trânsito. É um carro a menos que saiu de casa, diminuindo a pressão sobre a infraestrutura da cidade", finalizou o prefeito.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.