• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Segurança » Defesa Civil interdita 12 imóveis vizinhos ao comércio que pegou fogo em SP

Agência Brasil

Publicação: 03/07/2014 10:45 Atualização:

A Defesa Civil de São Paulo interditou  hoje (3), 12 imóveis ao redor da loja Armarinhos Fernando, na Rua Santo Amaro, zona sul,  atingida por um incêndio de grandes proporções que começou às 17h de ontem (2). Os imóveis são formados, principalmente, por lojas, já que esta é uma região de comércio popular.

De acordo com Clóvis Pontual, coordenador operacional da Defesa Civil, apenas uma casa lotérica está com a estrutura do teto comprometida. O restante dos imóveis foram interditados por conta da quantidade de fumaça provocada pelo incêndio.

“Foi emergencial, mas (os imóveis) permanecem interditados por causa do rescaldo que segue ao longo do dia. Já foram acionados engenheiros e agentes vistores da subprefeitura de Santo Amaro, que vão fazer uma nova vistoria nos imóveis, e eles podem ser liberados. Neles, não existe risco de desabamento”, declarou.

Já o tenente do Corpo de Bombeiros, Cássio Coiti, informou que ainda trabalha, mais de 16 horas depois do início do fogo, no rescaldo do local. Quando as chamas começaram os funcionários e consumidores ainda estavam no interior do estabelecimento.

Segundo os Bombeiros, uma retroescavadeira vai auxiliar nesta fase de rescaldo. “A gente vai revirar o material para poder finalizar o rescaldo”, disse. “Tem muito material combustível no estoque da loja. A maior dificuldade agora é a estabilização da estrutura da laje, teve colapso do mezanino”,  explicou. Segundo o tenente, a loja tem 3 mil metros quadrados de área e dois andares, sendo que o depósito ficava em cima.

Assim que o rescaldo terminar, a loja incendiada passará por avaliação do engenheiro dos Bombeiros para saber se há necessidade de demolição. O tenente informou também que será feito o levantamento para saber se o estabelecimento tinha o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros. O local também passará por uma avalização da Polícia Científica para tentar esclarecer as causas do incêndio.

No ano passado, duas outras lojas da rede Armarinhos Fernando também foram incendiadas. Em agosto, pegou fogo o imóvel de três andares e 7 mil metros quadrados da Avenida Paes de Barros, no bairro Mooca, zona leste. Em janeiro, um galpão da loja na Rua Clark, também na Mooca, sofreu avarias pelo fogo.

A assessoria de imprensa da empresa informou que vai aguardar o parecer da perícia para identificar o que provocou o incêndio.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.