• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Luto » Fernandão, ex-jogador do Internacional, e mais quatro morrem em queda de helicóptero O atleta conquistou as taças da Libertadores da América e do Mundial de Clubes em 2006 e atuaria na cobertura da Copa do Mundo

Publicação: 07/06/2014 08:17 Atualização: 07/06/2014 08:49

Fernandão segura a taça de campeãao do Mundial de Clubes da FIFA, em frente ao Palácio do Planalto. Foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
Fernandão segura a taça de campeãao do Mundial de Clubes da FIFA, em frente ao Palácio do Planalto. Foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
O ex-jogador Fernandão, ídolo do Sport Clube Internacional, de Porto Alegre (RS), morreu na madrugada deste sábado, aos 36 anos, em acidente de helicóptero. O corpo do atleta chegou a ser encaminhado ao Hospital Doutor Claret, em Goiania.

O piloto, Milton, e os outros três passageiros, Edmilson de Sousa Leme, Antônio de Pádua e Lindomar, também não sobreviveram. Eles saíram da idade goiana de Aruanã, no interior, em direção à capital.

O acidente ocorreu por volta da 1h30 e as causas ainda não foram esclarecidas. A perícia está no local desde o início da manhã.

Fernando Lúcio da Costa jogou no Internacional durante cinco anos. Ele integrava o elenco quando o time conquistou pela primeira vez a Copa Libertadores da América, em 2006, ano em que ainda levou o Mundial de Clubes da Fifa. Fernandão iria atuar como comentarista durante a cobertura da Copa do Mundo do canal de televisão fechada SporTV.

O Sport Club Internacional lamentou a morte do jogador no site oficial do clube. Leia a nota na íntegra:

"O Sport Club Internacional e a nação colorada estão de luto. Fernando Lúcio da Costa, o Fernandão, perdeu a vida em um acidente de helicóptero ocorrido na madrugada deste sábado (7/6) em Aruanã-GO.

O momento é de profundo pesar pela partida prematura do ídolo de 36 anos, mas o que fica são lembranças gloriosas de um atacante que honrou a camisa do Internacional com seu espírito de liderança, sendo um dos jogadores mais importantes dos 105 anos do Clube.

Fernandão atuou em 190 partidas e marcou 77 gols – o primeiro deles, logo na sua estreia, em 2004, foi o de número 1000 da história do Gre-Nal. Nascido em Goiânia, mas plenamente identificado com Porto Alegre, foi o capitão do time nas inesquecíveis conquistas da Libertadores da América e do Mundial FIFA, ambas em 2006, e também desempenhou no Colorado as funções de diretor técnico, em 2011, e de treinador, em 2012. Os títulos do Gauchão (2005 e 2008) e da Recopa (2007) também fazem parte da sua trajetória.

O Clube do Povo se solidariza com a família e com todos os fãs de Fernandão. Força!"

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.