• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Greve dos metroviários » Dilma classifica de lamentável tumulto em estação do metrô de São Paulo

Agência Brasil

Publicação: 05/06/2014 16:38 Atualização:

A presidenta Dilma Rousseff considerou lamentável o episódio ocorrido hoje (5) na Estação Itaquera do metrô de São Paulo. Revoltado com o fechamento da estação, em decorrência da greve dos metroviários, um grupo de passageiros derrubou e quebrou grades para entrar na área de embarque dos trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

Ao deixar a reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), no Palácio do Planalto, a presidenta Dilma respondeu rapidamente a jornalistas que peguntaram qual a avaliação dela sobre o tumulto na capital paulista: "Lamentável, lamentável."

A greve dos metroviários causou confusão, na Estação Itaquera, na zona leste, umas das mais movimentadas de São Paulo. A Polícia Militar foi chamada, mas ninguém foi preso. Não houve feridos. Para evitar uma confusão maior, as catracas foram liberadas às 7h40 e os trens da CPTM começaram a parar na estação.

Usuários reclamaram de não terem sido informados sobre o fechamento do embarque da CPTM, que ocorreu no início da manhã. A assessoria de imprensa da companhia informou que a medida foi adotada para garantir a segurança dos passageiros, já que alguns teriam invadido a área do metrô. Segundo funcionários, as instalações pertencem ao metrô, embora a CPTM utilize a mesma estação.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.