• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Belo Horizonte » Mineirão é testado para caso de atentado terrorista; evacuação deve ser em 8 minutos

Estado de Minas

Publicação: 22/05/2014 14:52 Atualização: 22/05/2014 15:12

O Mineirão recebeu nesta quinta-feira uma atividade simulada do Corpo de Bombeiros para atuação em casos de atentado terrorista. O treinamento é uma prévia da capacidade de resposta a qualquer tipo de situação durante a Copa do Mundo. O foco principal era ensinar a todos como evacuar o estádio em sua capacidade máxima de lotação (66 mil pessoas), na previsão média de 8 minutos no caso de perigo ou desastre.

Mais de mil integrantes de vários órgãos de Defesa Social e Saúde – como Corpo de Bombeiros, Exército, Grupamento de Ações Táticas Especiais da Polícia Militar de Minas Gerais, Secretaria de Estado da Saúde, Polícia Federal, além de brigadistas e vigilantes contratados – participaram da simulação.

O treinamento teve simulação de um ataque terrorista com lançamento de uma bomba química que provocou intoxicação de alguns participantes para que fossem testados os procedimentos de atendimento. Essas pessoas foram submetidas a um processo de descontaminação em estruturas móveis (tendas) equipadas com todos os recursos para descontaminação por materiais químicos, radiológicos, biológicos ou nucleares.

Equipes de resgate simularam a retirada de pessoas caídas em fosso, com demonstração de imobilização e transporte até uma Unidade de Atendimento. As “vítimas” foram encaminhadas a um Posto Médico Avançado (PMA), montado no entorno da arena, que fará no período do Mundial a triagem dos pacientes e o primeiro atendimento.

Cada PMA contará com uma equipe de socorristas, profissionais de Enfermagem e médicos da Secretaria de Estado da Saúde. O helicóptero Arcanjo, dos Bombeiros, estará posicionado no Centro Esportivo Universitário (UFMG) para o transporte dos casos mais graves aos hospitais de referência. Durante a Copa, será empregado também um moderno helicóptero biturbina adquirido exclusivamente para o atendimento aeromédico no estado.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.