• (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Laudos da polícia » Polícia conclui que Marcelo Pesseghini matou a famíia em São Paulo

Correio Braziliense

Publicação: 20/05/2014 20:42 Atualização:

A polícia apontam que Marcelo esperou no banheiro da casa pela chegada da mãe, a cabo da PM Andréia Pesseghini, depois de ter executado o próprio pai, o sargento da Rota Luís Marcelo Pesseghini. Foto: Facebook/Reprodução (Facebook/Reprodução)
A polícia apontam que Marcelo esperou no banheiro da casa pela chegada da mãe, a cabo da PM Andréia Pesseghini, depois de ter executado o próprio pai, o sargento da Rota Luís Marcelo Pesseghini. Foto: Facebook/Reprodução

O inquérito policial do caso Pesseghini concluiu que o estudante Marcelo Pesseghini, de 13 anos, foi o autor dos assassinatos de quatro pessoas da família, em 5/8/13, em São Paulo.

Desde o início, a polícia trabalhava com a suspeita de que o garoto tinha atirado nos pais, na avó e na tia-avó. Na sequência, o menino teria se matado. O inquérito segue para o Ministério Público.

Versão da polícia

Laudos apresentados pelo Instituto de Criminalística à polícia apontam que Marcelo esperou no banheiro da casa pela chegada da mãe, a cabo da PM Andréia Pesseghini, depois de ter executado o próprio pai, o sargento da Rota Luís Marcelo Pesseghini.

A mãe estaria de joelhos sobre o corpo do marido, quando o garoto realizou o disparo. A perícia técnica realizou nove laudos e 35 exames sobre o caso.

A família do garoto contesta a versão, e reclama que outras pessoas não tenham sido consideradas como suspeitas do crime.

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: Carlos Co
Não tem cabimento uma criança dessa articular tudo isso,Isso é coisa de profissional ou seja quem fez isso trabalhava juntos com Eles. Essa polícia do Brasil não tem estrutura para investigar nada. | Denuncie |

Autor: jose da silva
acredite quem quiser eu não, há muitas coisas que é dificil de explicar, a começar pelo disparo da arma, muito dificil um menino de 13 anos ter força para disparar uma .40 com uma mão só. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.