• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Minas Gerais » Idoso de 82 anos é resgatado pelos bombeiros depois de passar 5 dias perdido em mata O idoso tem doença de Alzheimer e saiu da fazenda onde mora para procurar uma vaca. Ele entrou em área de mata fechada e não consegui voltar

Estado de Minas

Publicação: 23/04/2014 10:42 Atualização:

Um idoso de 82 anos foi resgatado na segunda-feira pelo Corpo de Bombeiros de Conselheiro Lafaiete, na Região Central de Minas, depois de ficar cinco dias perdido em uma mata fechada. José de Souza sumiu em 17 de abril, sendo que a família acionou os militares no dia 18, quando começaram as buscas pelo desaparecido. O idoso tem doença de Alzheimer e foi encaminhado ao hospital após o resgate.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o homem saiu da fazenda onde mora em em Casa Grande para buscar uma vaca perdida. Ele iniciou a caminhada no terreno da família, mas entrou em uma mata fechada, onde se perdeu. Por causa da doença, os bombeiros dizem que o idoso sequer percebeu quantos dias passou na mata. Ele ficou sem comida ou bebida todos esses dias.

le foi encontrado sentado ao pé de uma árvore, muito debilitado. No hospital, recebeu hidratação e foi liberado no mesmo dia. Conforme os bombeiros, no primeiro dia de buscas por terra ainda havia muita dúvida sobre os rumos tomados pelo idoso. No segundo dia, contaram com apoio da Rondas Ostensivas com Cães (Rocca) da PM, mas também não tiveram sucesso na procura. No terceiro dia, a aeronave dos bombeiros sobrevoou a área para tentar encontrar José de Souza, porém a mata impedia o sucesso da operação. Somente no quinto dia de trabalhos por terra, o homem foi localizado.

O idoso relatou aos militares que se machucou durante a caminhada, por isso não conseguiu mais andar. Ele não tinha a menor noção da localização e resolveu sentar. Disse ainda, que viu o helicóptero dos bombeiros sobrevoando, mas não conseguiu sinalizar ou pedir ajuda. José de Souza passa bem e já reencontrou com equipe de militares que participaram do resgate, momento de muita emoção para bombeiros e para vítima.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.