• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Complexo da Maré » Cabral diz que estado não tolera o poder paralelo do crime organizado Na avaliação do governador, a ocupação é, do ponto de vista simbólico, "significativa na medida em que se demonstra que não vamos tolerar, em hipótese alguma, o poder paralelo, seja ele do comando A ou B", afirmou

Agência Brasil

Publicação: 30/03/2014 18:06 Atualização:

O governador do Rio, Sérgio Cabral, disse que a ocupação do Complexo da Maré pelas forças de segurança marca um novo tempo na vida das pessoas da comunidade, e é um dia histórico para o Rio de Janeiro. Para ele, o estado “não poderia mais tolerar o domínio do poder paralelo” nas 15 favelas que integram o Complexo da Maré.

Na avaliação do governador, a ocupação é, do ponto de vista simbólico, “significativa na medida em que se demonstra que não vamos tolerar, em hipótese alguma, o poder paralelo, seja ele do comando A ou B. São gerações e gerações lá nascidas e acostumados a conviver com traficantes armados de fuzis, determinando quem entra e quem sai da localidade”.

Ele lembrou o drama vivido por jovens e pais que perdiam amigos e filhos para o tráfico. “Quantos jovens que lá vivem não presenciaram os amigos deixarem as salas de aula e as brincadeiras para ingressar no crime. Quantas mães não assistiram desesperadas a perda de seus filhos para o tráfico”.

A ocupação da Maré, disse o governador, sob este aspecto “tem a simbologia da retomada da cidade pela cidade – é uma cidade que se reintegra à cidade. É por isto que eu digo: é um dia histórico para o Rio de Janeiro e é este o agradecimento que eu procurei transmitir à presidenta Dilma, que nos apoiou nesta empreitada”.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.