• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Ataque criminoso » Policial de UPP é baleado no rosto durante tiroteio na Vila Cruzeiro

Agência Brasil

Publicação: 28/02/2014 11:04 Atualização:

Um policial militar da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Vila Cruzeiro, na zona norte da cidade do Rio de Janeiro, foi baleado na madrugada de hoje (28) durante um tiroteio na comunidade. De acordo com a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), policiais estavam parados em uma esquina da favela quando criminosos armados atiraram.

Atingido no rosto, o policial militar foi encaminhado ao Hospital Estadual Getúlio Vargas e passou por uma cirurgia. Ainda não há informação sobre seu estado de saúde. Segundo a assessoria da CPP, os policiais revidaram os tiros, e os criminosos fugiram.

O caso foi registrado na Delegacia da Penha, já que a Vila Cruzeiro integra o complexo de favelas da Penha/Alemão. O policiamento foi reforçado com homens de diversas UPPs. A UPP da Vila Cruzeiro foi implantada em agosto de 2012, depois de a favela ficar por quase dois anos ocupada por militares do Exército.

Outros casos de ataques a policiais foram registrados em favelas ocupadas por UPPs este mês. No início de fevereiro, uma policial militar morreu e um soldado ficou ferido depois que criminosos atacaram uma patrulha da UPP do Parque Proletário, comunidade vizinha à Vila Cruzeiro. Na semana passada, o comandante-geral das UPPs, coronel Frederico Caldas, feriu-se quando tentava se proteger de um tiroteio na Rocinha, também ocupada pela Polícia Pacificadora.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.