• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rio de Janeiro » Polícia admite ter prendido ator por engano e Justiça manda soltá-lo Após passar duas semanas detido em São Gonçalo, a vítima de roubo que o havia identificado como o assaltante, admitiu ter cometido um erro

Publicação: 26/02/2014 09:00 Atualização: 26/02/2014 09:03

 (Divulgação)
O ator Vinícius Romão de Souza, de 27 anos, foi preso por engano, confirmou a Polícia Civil do Rio de Janeiro nesta terça-feira (25/2). A Justiça já pediu para que o artista seja solto. Após passar duas semanas detido em São Gonçalo, a vítima de roubo que o havia identificado como o assaltante, admitiu ter cometido um erro.

A vítima estava em um ponto de ônibus quando teve sua bolsa levada por um homem. Com a ajuda de um policial civil, percorreu os quarteirões próximos até reconhecer o ator como o autor do roubo. Na delegacia, a vítima fez um reconhecimento formal, mas admitiu que diante da reação de Romão, que negava veementemente ter participado do assalto, teve dúvidas.

Amigos do ator fizeram uma campanha na internet para denunciar a prisão. Eles afirmavam que nenhum objeto da vítima havia sido encontrado com Vinícius e que vídeos gravados por câmeras no local onde ocorreu o crime mostravam que a roupa do suspeito era diferente da que Romão usava no dia.

Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.