• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Denúncia » Justiça aceita denúncia contra jovens acusados da morte de cinegrafista

Agência Brasil

Publicação: 20/02/2014 20:59 Atualização:

A Justiça do Rio de Janeiro aceitou a denúncia do Ministério Público contra Caio Silva de Souza e Fábio Raposo, acusados de terem acendido e jogado o rojão que provocou a morte do cinegrafista da TV Bandeirantes, Santiago Andrade, durante uma manifestação na quinta-feira (6), no centro do Rio, contra o reajuste das passagens de ônibus.

O 3º Tribunal do Júri da Capital, do Tribunal de Justiça estadual, também converteu a prisão temporária de 30 dias dos acusados em prisão preventiva. Os dois vão continuar detidos no Complexo de Gericinó, em Bangu, na zona oeste do Rio, até o julgamento do caso.

Segundo o Tribunal de Justiça, Fábio e Caio vão responder por crimes de explosão e homicídio doloso triplamente qualificado, quando há motivo torpe com impossibilidade de defesa da vítima e com emprego de explosivo.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.