• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Violência » CIDH condena morte de cinegrafista brasileiro

AFP - Agence France-Presse

Publicação: 13/02/2014 14:15 Atualização:

Durante manifestação contra aumento das passagens de ônibus no Rio de Janeiro, manifestante exibe cartaz em homenagem ao cinegrafista Santiago Andrade. Foto: Yasuyoshi Chiba/AFP Photo
Durante manifestação contra aumento das passagens de ônibus no Rio de Janeiro, manifestante exibe cartaz em homenagem ao cinegrafista Santiago Andrade. Foto: Yasuyoshi Chiba/AFP Photo
A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) condenou, nesta quarta-feira, os atos de violência que causaram a morte do cinegrafista Santiago Andrade, no Rio de Janeiro.

Por meio de nota, a Comissão Especial para a Liberdade de Expressão da CIDH manifestou sua "preocupação" e pediu às autoridades brasileiras "a realização de investigações rápidas que possam esclarecer os motivos da agressão e identificar e punir de forma adequada os responsáveis".

Na última quinta-feira, o cinegrafista Santiago Andrade, da rede de televisão Bandeirantes, cobria a manifestação contra o aumento das passagens de ônibus no Rio de Janeiro quando foi atingido na cabeça por um rojão.

Andrade, de 49 anos, recebeu auxílio médico mas teve sua morte cerebral declarada na última segunda-feira.

A nota da CIDH esclarece que a polícia já havia "capturado duas pessoas supostamente envolvidas no caso" e mencionou a existência de "relatos contraditórios sobre os possíveis culpados pela agressão".

"Além de expressar sua indignação, a presidente Dilma Rousseff determinou que a Polícia Federal tome à frente das investigações sobre o caso", disse a Comissão, órgão autônomo da OEA.

 

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.