• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Uso racional » Após reparo em adutora, abastecimento de água começa a ser restabelecido no DF

Agência Brasil

Publicação: 07/02/2014 11:44 Atualização:

Adutora da Caesb rompe na EPTG causando uma morte foto: Antonio Cruz/Agência Brasil (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Adutora da Caesb rompe na EPTG causando uma morte foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

A Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) informou que o abastecimento de água nas regiões do Guará 1 e 2, Setor Lúcio Costa e Setor Super Quadra Brasília será retomado, de forma gradativa, a partir de hoje (7). A região permanece sem água desde a última quarta-feira (5), em razão do rompimento de uma adutora na Estrada Parque Taguatinga-Guará (EPTG).

A companhia alertou, entretanto, que o sistema de abastecimento de água só vai funcionar de forma equilibrada e plenamente estabilizada a partir das 18h de amanhã (8). A orientação aos moradores é que, na medida do possível, durante o retorno gradativo do abastecimento, façam uso racional da água até que a situação se normalize.

Dois operários que trabalhavam no reparo da adutora quando houve um novo rompimento permanecem internados no Hospital de Base. De acordo com a Secretaria de Saúde do Distrito Federal, F.H.L.M. apresenta quadro sem gravidade e estável, não se queixa de dor e aguarda o resultado de exames para ser submetido a uma cirurgia no fêmur. Já U.P.S. permanece em estado grave, porém estável, na unidade de terapia intensiva (UTI) e sem previsão de alta. Um operário morreu na manhã de ontem (6) durante os trabalhos de reparo. O presidente da Caesb, Oto Silvério Guimarães, disse que a companhia e a Polícia Civil irão apurar as causas do acidente.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.