• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Por conta de alimentos » Presos iniciam tumulto em Pedrinhas após mulheres serem impedidas de entrar

O Imparcial

Publicação: 06/02/2014 12:29 Atualização:

A confusão começou após mães e mulheres de presos teriam sido impedidas de entrar com alimentos nas celas dos Presídios São Luís I e II. Foto: Lisiane Martins/OIMP/D.A. Press
A confusão começou após mães e mulheres de presos teriam sido impedidas de entrar com alimentos nas celas dos Presídios São Luís I e II. Foto: Lisiane Martins/OIMP/D.A. Press
Um princípio de tumulto foi registrado na manhã desta quinta-feira (6), nos presídios São Luís I e II, do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. De acordo com as primeiras informações, a confusão teria sido iniciada, após as mulheres e mães dos detentos terem sido impedidas de entrar com comida nas unidades prisionais.

Como hoje é dia de visitas, as mulheres teriam chegado desde as primeiras horas desta quinta-feira. Entretanto, ao tentar entrar nas celas portando vasilhas com comida, foram impedidas pelos policiais que fazem a segurança e revista nos presídios.

Os detentos teriam sido informados do impedimento e começaram a bater nas grades das celas, inciando o tumulto. Os policiais militares e da Força Nacional se dirigiram até as celas com o intuito de desfazer o princípio de confusão.

No entanto, ao ver os policiais, os presos se exaltaram mais ainda e chegaram até a queimar colchonetes dentro das celas. A polícia revidou e houve disparos. Ao ouvir o barulho dos tiros, as mulheres, que começaram a vaiar os policiais e até a jogar pedras em outros agenrtes da Força Nacional que foram chamados para ajudar a conter o tumulto.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.