• (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Saúde » Médicos cubanos desembarcam hoje em Fortaleza

Agência Brasil

Publicação: 29/01/2014 10:52 Atualização:

Cerca de 125 médicos cubanos desembarcam hoje (29) no Aeroporto Internacional de Fortaleza. O voo está previsto para chegar às 16h30. Os profissionais fazem parte do terceiro ciclo do Programa Mais Médicos. Até o final da semana, 2 mil cubanos estarão em solo brasileiro para começar as aulas do módulo de acolhimento e avaliação do programa.

De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério da Saúde, a previsão é que um grupo de cerca de 200 médicos cubanos desembarque no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, amanhã (30), às 2h. Na sexta-feira (31), outro grupo de 200 médicos também deve chegar de madrugada.

A expectativa do governo é que os profissionais cubanos comecem a atuar em municípios brasileiros em março, junto com os demais estrangeiros participantes do terceiro ciclo do Mais Médicos. Além dos 2 mil cubanos, 891 médicos selecionados por meio de inscrições individuais devem participar da terceira fase do programa.

Atualmente, em todo o país, 6.658 profissionais atuam pelo Mais Médicos em 2.166 cidades e em 28 distritos indígenas. A meta do ministério é preencher 13 mil postos até o fim de março.

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: marconi Gomes
Para os médicos brasileiros se escrever no programa o sistema tem falhas e não deixa fazer a conclusão da inscrição. Parece piada isto e BRASIL de Dilma e Padilha. | Denuncie |

Autor: marconi Gomes
E muito dinheiro 6.658xR$10.000,00=66.580.000,00, e muito dinheiro para Cuba. Fora o porto R$638.000.0000,00. Transposição paralisadas, trans-nordestina paralisada isto que e governo para os pobres. ACORDA BRASIL-O povo do Ceará fica engolindo este programa médicos e todos morrendo no SUS. ACORDA | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.