Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Um ano » Protestos, lágrimas e indignação marcam um ano da tragédia na Boate Kiss Participantes pintaram no asfalto a silhueta de 242 corpos, representando cada uma das vítimas da tragédia

Correio Braziliense

Publicação: 27/01/2014 07:45 Atualização:

Moradores da cidade gaúcha de Santa Maria fazem procissão e montam painel com fotos das vítimas do incêndio na boate kiss foto: Macedo/Agencia RBS (Macedo/Agencia RBS)
Moradores da cidade gaúcha de Santa Maria fazem procissão e montam painel com fotos das vítimas do incêndio na boate kiss foto: Macedo/Agencia RBS

Às 3h, horário em que teve início o incêndio que matou 242 pessoas na Boate Kiss, lágrimas, indignação e um buzinaço marcaram um ano da tragédia que comoveu o Brasil em 2013. Cerca de 500 pessoas participaram do ato, que começou na madrugada desta segunda-feira (27/1) em Santa Maria, em frente ao prédio onde funcionava a casa noturna, palco da tragédia. A vigília segue até esta manhã, promovida pela associação Luto à Luta.

Antes do protesto, os participantes pintaram no asfalto a silhueta de 242 corpos, representando cada uma das vítimas da tragédia, cobrindo quase que completamente o chão da Rua dos Andradas. Um grande coração branco foi pintado na frente da entrada da danceteria. Ali os familiares das vítimas depositaram uma rosa branca e velas acesas.

Tristes lembranças

A tragédia de Santa Maria ocorreu em 27 de janeiro do ano passado, quando 242 pessoas morreram e mais de 620 ficaram feridas em um incêndio na Boate Kiss. O fogo começou durante a apresentação da banda, quando o músico Marcelo dos Santos acendeu o artefato pirotécnico.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »