Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Minas Gerais » Motorista é autuado por homicídio culposo após acidente com morte do filho de 12 anos O acidente ocorreu no fim da noite de sábado no Anel Rodoviário. O fusca bateu em um poste na Região Noroeste de BH

Guilherme Paranaiba -

Publicação: 20/01/2014 09:10 Atualização:

O teste do bafômetro feito no HPS João XXIII, para onde foi levado o motorista Leonardo Lima Ferreira da Silva, de 37 anos, depois de se envolver em um acidente no qual morreu seu filho de 12 anos, comprovou o consumo de bebida alcoólica. Ele foi autuado em flagrante por homicídio culposo e também por dirigir alcoolizado. O acidente ocorreu no fim da noite de sábado no Anel Rodoviário. Leonardo dirigia um Fusca que bateu em um poste, causando a morte do filho Luiz Felipe Campos Lima, além de ferimentos na mulher e em outros dois filhos que também estavam no carro. O teste do bafômetro acusou 0,49 miligramas de álcool por litro de sangue, índice considerado crime de trânsito.

De acordo com o sargento Islane Gonçalves, do Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (BPMRv), a família voltava de um evento em Sabará, na Grande BH, e estava a cerca de 100 metros de casa. Leonardo conduzia o veículo pelo km 11 do Anel Rodoviário. Logo após a entrada para a Praça São Vicente, no Padre Eustáquio, Noroeste da capital, Leonardo pegou a pista marginal e começou a descer a via, já no Bairro Dom Bosco, também na Região Noroeste. “Ele alegou ter sido tocado por outro carro que também veio da pista principal, só que acessou a marginal em uma entrada mais abaixo. Segundo ele, essa esbarrada provocou a perda do controle e o Fusca bateu de lado em um poste”, afirma o militar.

A parte do carro que acertou o poste era justamente onde estava o filho Luiz Felipe, que morreu na hora. Outro filho, L. C. L., 14, foi socorrido em estado grave no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII e, segundo a unidade de saúde, estava na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). A mãe dos dois, Simone Rodrigues Campos, de 37, e outra filha do casal, L. I. C. L., de 16, receberam alta na manhã de ontem. Leonardo também permanecia hospitalizado até o encerramento da edição. De acordo com a assessoria de comunicação da Polícia Civil, assim que tiver alta ele será levado para o Ceresp Gameleira. 

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »