• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Minas Gerais » Polícia procura suspeitos de tentar incendiar Casa de Juscelino em Diamantina Dupla pôs fogo numa garrafa PET com líquido inflamável e a atirou na sede da instituição. Apenas porta ficou danificada

Gustavo Werneck -

Publicação: 17/01/2014 09:27 Atualização:

Chamas danificaram a porta do imóvel. Foto: Divulgação
Chamas danificaram a porta do imóvel. Foto: Divulgação
A polícia procura dois suspeitos de provocar um incêndio na fachada da Casa de Juscelino, equipamento cultural –museu, biblioteca, bar e praça de eventos – localizada no Centro Histórico de Diamantina, no Vale do Jequitinhonha. Na noite de quarta-feira, por volta das 23h50, a dupla pôs fogo numa garrafa PET com líquido inflamável e a atirou na sede da instituição, danificando a porta, janela e parede principal. Os bombeiros foram acionados e não houve estragos no acervo guardado no imóvel onde o ex-presidente Juscelino Kubitschek morou na infância.

Segundo a PM, militares estiveram ontem no endereço dos suspeitos, mas eles não foram encontrados. Já na Casa de Juscelino, que fica na Rua São Francisco, 241, o dia foi de muito trabalho. “Começamos a restauração, pois a fachada ficou escura e chamuscada”, disse o gerente da instituição, Rômulo Barbosa. Ele informou que local recebe a visita de 1 mil pessoas por mês. Com quase três décadas de funcionamento, a Casa Juscelino é uma sociedade civil sem fins lucrativos, localizada em área tombada e reconhecida como patrimônio da humanidade pela Unesco.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.