Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Transtornos » Aeroportos têm mais um dia de atraso; Gol prevê piora Grande movimentação nos terminais e condições meteorológicas adversas provocam atrasos e cancelamentos de voos em todo país. Gol é empresa com maior número de voos afetados

Marina Rigueira - Estado de Minas

Publicação: 08/12/2013 16:06 Atualização: 08/12/2013 17:49

 (Marlyana Tavares/EM/D.A Press)
O fim de semana é marcado por muitos atrasos nos aeroportos de todo o país. No Aeroporto Internacional Tancredo Neves em Confins a situação não é diferente. Problemas meteorológicos e movimento intenso de fim de ano alteram horários de voos e causam cancelamentos. Assim como ontem, passagerios da Gol Linhas Aéreas são os que enfrentam mais problemas. De acordo com dados atualizados pela Infraero, às 14h deste domingo, o Aeroporto de Confins tem nove voos atrasados e dois cancelados.

Na tarde deste domingo, dados nacionais apontam 125 voos domésticos atrasados e 57 cancelados, além de 11 internacionais atrasados e três cancelados.  Na Gol, 98 voos domésticos e dois internacionais estão atrasados e 34 foram cancelados.

A Gol divulgou nota sobre a situação dos voos da companhia, que tem um índice de 17% de atraso neste momento. A empresa admite que a situação pode piorar nas próximas horas, podendo haver registro de atrasos de "até 25% durante o dia de hoje". Apesar do número, a companhia aérea afirma que há registro de avanços nos índices de normalidade desde a manhã de domingo. Clientes da Gol tiveram problemas para embarcar nos aeroportos de Confins, Santos Dumont e Galeão, no Rio, de Guarulhos, na Grande SP, e no terminal de Brasília.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) autuou a empresa por falhas na prestação de assistência a passageiros com voos atrasados desde sexta-feira. As multas podem variar de R$ 4 mil a R$ 10 mil por infração à Resolução 141/2010 da Anac.

Segundo nota divulgada pela agência, a TAM Linhas Aéreas também será notificada e terá dez dias para comprovar a prestação de assistência aos passageiros em decorrência de problemas observados ontem, principalmente em Guarulhos. Se a agência constatar que houve irregularidades, a TAM também será autuada.

A Infraero anunciou esta semana que já adotou o plano de ação para a movimentação da alta temporada, que começa este mês e segue até o final de janeiro de 2014. Para o período, o fluxo estimado de passageiros nos 63 terminais administrados pela empresa é de 26,27 milhões de pessoas, um crescimento de 2,42% em relação aos 25,65 milhões de passageiros da alta temporada de fim de ano em 2012. A previsão não inclui os aeroportos de Guarulhos, Viracopos e Brasília, concedidos à iniciativa privada.

Resolução
Pela Resolução 141/2010, é dever da empresa informar aos passageiros sobre atrasos e cancelamentos de voos, além de explicar os motivos. A companhia aérea deve ainda facilitar a comunicação do passageiro (com ligações telefônicas e internet, por exemplo) para atrasos superiores a uma hora, alimentação adequada para atrasos superiores a duas horas, acomodação, traslado e, quando necessário, serviço de hospedagem para atrasos superiores a quatro horas.

Caso o passageiro se sinta prejudicado, deve procurar a empresa aérea contratada para reivindicar seus direitos. Se a medida não apresentar resultado, o usuário poderá encaminhar a demanda à Anac, aos órgãos de defesa do consumidor e à Justiça.

Os consumidores podem contatar a Anac pelo site www.anac.gov.br e pelo telefone 0800 725 4445 (que está disponível 24 horas, sete dias por semana, com atendimento em português, inglês e espanhol). Cabe à agência analisar cada caso e autuar a companhia, quando houver irregularidade.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »