Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rio de Janeiro » Coro do Theatro Municipal do Rio faz concertos em comemoração aos 80 anos do grupo

Agência Ansa - Agenzia Nazionale Stampa Associata

Publicação: 05/12/2013 18:25 Atualização:

O Coro do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, um dos mais antigos grupos corais do Brasil, está completando oito décadas de atividade. A data será comemorada com um concerto especial, que terá duas apresentações, nesta sexta-feira (6), às 20h, e no sábado (7), às 21h, dentro da programação elaborada pelo diretor artístico do teatro, maestro Isaac Karabtchevsky.

No Concerto Comemorativo dos 80 anos, o Coro e a Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal terão participações especiais da Banda do Corpo de Fuzileiros Navais e do Coral Infantil da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). No programa, a abertura da ópera La Forza del Destino, de Giuseppe Verdi; a Grande Marcha da Entrada dos Convidados, de Tannhäuser, de Richard Wagner; o Dio degli Aymoré, de O Guarani, de Carlos Gomes; o Auto da Fé, de Don Carlo, de Verdi; o Prólogo de Mefistófeles, de Boito e Gloria all' Egitto, a conhecida marcha triunfal de Aida, de Verdi.

Os solistas serão os sopranos Danielle Gregório, Helen Hainzle e Rose Provenzano; o mezzo-soprano Elisabete Pellicione; os tenores Celso Mariano, Ivan Jorgensen e Pedro Gattuso; o barítono Ciro D'Araújo e os baixos Jorge Mathias e Pedro Ismael Olivero, com a regência do maestro Jésus Figueiredo. Carioca, formado em regência e mestre em acústica musical pela UFRJ, Jésus Figueiredo é, desde 1999, maestro do Theatro Municipal.

“É uma satisfação imensa para todos nós, funcionários e artistas, poder estarmos juntos comemorando essa data”, disse a presidenta da Fundação Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Carla Camurati, a respeito dos 80 anos do coro. Segundo ela, o coro é “um conjunto polivalente, com suas vozes maravilhosas, que ilumina com igual talento e habilidade os repertórios de óperas, concertos e balés”.

Inaugurado em 1909, o Theatro Municipal somente passou a ter uma orquestra e um coro permanentes em 1931, quando os dois corpos estáveis foram criados por decreto do então interventor federal da cidade do Rio de Janeiro, Adolfo Bergamini. Nas duas décadas anteriores, havia um sistema de contratação avulsa de músicos e cantores para as temporadas da casa de espetáculo.

O coro, no entanto, só veio a se apresentar pela primeira vez completo e organizado em 1933, sob a regência de Santiago Guerra, seu maestro titular até 1975. Desde a criação, o coro cantou em 135 óperas diferentes, nas temporadas líricas anuais do teatro, seja acompanhado da orquestra da casa ou de outras para as quais é convidado.

Os ingressos para as duas apresentações do concerto comemorativo variam de R$ 18, para a galeria, a R$ 420, para as frisas e camarotes com seis lugares. Idosos, estudantes e portadores de necessidades especiais têm desconto de 50%.

O Theatro Municipal fica na Praça Floriano, s/nº, na Cinelândia, centro do Rio.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »