Smartphones Galaxy S9 aposta numa câmera que enxerga muito além do olho humano Principal lançamento da Samsung para 2018 chegará às lojas brasileiras em 20 de abril, custando entre R$ 4,3 mil e R$ 4,9 mil

Por: Diogo Carvalho

Publicado em: 28/03/2018 15:10 Atualizado em: 28/03/2018 15:14

Testes que o Diario fez no pré-lançamento comprovam qualidade da melhor câmera para smartphones do mercado. Foto: Diogo Carvalho/DP
Testes que o Diario fez no pré-lançamento comprovam qualidade da melhor câmera para smartphones do mercado. Foto: Diogo Carvalho/DP


São Paulo - Depois de apresentar o Galaxy A8, que surpreendeu o público com duas câmeras frontais, a Samsung abre no Brasil, nesta quarta-feira (28), a pré-venda de sua maior aposta para 2018: o Galaxy S9. O celular tem a missão de repetir o sucesso do antecessor S8, do qual herdou muitos elementos em comum, e para isso ele conta com algumas novidades interessantes. Mas sem incrementar demais, afinal estamos falando do modelo que vem antes da lendária décima edição de smartphones premium da empresa coreana. O Diario participou do lançamento para a imprensa brasileira e teve a oportunidade de passar uma manhã com o aparelho, que só chega às lojas em 20 de abril.

As principais inovações aqui são as câmeras (sempre o grande diferencial da marca), especialmente com o S9 Plus, que utiliza uma configuração com dois sensores traseiros, enquanto o modelo S9 simples tem apenas um. Com a câmera dupla, o aparelho é capaz de aproveitar um zoom óptico de até duas vezes e gerar as fotos com o efeito retrato - o que já havia sido feito com o Galaxy Note 8. O funcionamento é semelhante ao de um olho humano: a câmera de abertura dupla de foco F1.5 a F2.4 se alterna para controlar melhor a entrada de luz de acordo com as condições do ambiente. Em testes que fizemos em ambientes escuros, a câmera conseguia enxergar o que o próprio olho não conseguia ver (e sem ficar com a imagem pixelada). É, de fato, um dos smartphones com as melhores câmeras no mercado nacional. 

Outra novidade que a Samsung faz questão de destacar no novo filho é a super câmera lenta, que captura 960 quadros por segundo, captando detalhes que o olho humano dificilmente conseguiria perceber (como areia voando ou um 'balé' de ingredientes numa panela). Com detecção automática de movimento, começa a gravar automaticamente quando configurada neste modo. Depois da captura, é possível escolher entre 35 músicas pré-definidas (ou adicionar uma nova) para usar como trilha sonora do vídeo. É possível ainda converter o arquivo em gif, com diversos efeitos (loop, inverso e balanço). A plataforma de inteligência Bixby, que vem integrada ao software da câmera, agora consegue traduzir línguas estrangeiras e converter moedas em tempo real. 

Recurso My Emoji mapeia mais de 100 expressões faciais e faz um avatar virtual do usuário. Créditos: Samsung/Divulgação
Recurso My Emoji mapeia mais de 100 expressões faciais e faz um avatar virtual do usuário. Créditos: Samsung/Divulgação


Numa resposta ao Animoji do iPhone X, o Galaxy S9 também vem preparado para a realidade aumentada, para interação divertida em mensagens. O recurso My Emoji mapeia mais de 100 expressões faciais do usuário e faz uma réplica dele em um avatar virtual, gerando imagens e animações que podem ser compartilhadas com amigos. Automaticamente, são criados na galeria de imagens 18 gifs que representam diferentes sensações. É divertido, mas ainda perde para o interativo da Apple. No entanto, uma parceria da Samsung com a Disney vai ampliar esse leque de avatars: os usuários poderão utilizar personagens clássicos das animações em mensagens personalizadas. De início, são disponibilizados o Mickey e a Minnie, mas personagens de filmes como Os Incríveis, Zootopia e Frozen serão disponibilizados ao longo do ano.

O desempenho do S9, de maneira geral, é muito bom. Mas a potência vai depender da versão escolhida. Os dois modelos carregam os mesmos processadores, o Snapdragon 845, da Qualcomm, que será utilizado nas versões do Brasil - no Estados Unidos e em outras partes do mundo, é o Exynos 9810, da própria Samsung. A diferença está mesmo na memória RAM. Enquanto o S9 Plus tem 6 gigabytes de memória, o S9 tem 4 gb, o que faz com que o grandão apresente um desempenho superior.

No Brasil, os dois modelos do S9 serão lançados com Dual SIM, bom para aquele pessoal que tem chips de duas operadoras ou que prefere ter apenas um aparelho para uso pessoal e profissional. Eles terão 128GB de capacidade de armazenamento e suporte para expansão de mais 400GB (com cartão de memória da marca). Os smartphones ainda têm carregamento rápido sem fio e resistência à poeira e à água (a 1,5m por até 30 minutos) - bom para os 29% dos consumidores que, segundo pesquisas, afirmam levar o celular para o chuveiro na hora de tomar banho. 

Câmera dupla traseira com efeito de fundo desfocado continua sendo um dos pontos fortes da coreana
Câmera dupla traseira com efeito de fundo desfocado continua sendo um dos pontos fortes da coreana


Quanto ao design, o Galaxy S9 é praticamente idêntico ao antecessor S8. A diferença está na posição do leitor de impressões digitais. O smartphone da Samsung alvo de várias críticas no ano passado, quando colocou o sensor ao lado da câmera, fazendo com que o usuário sujasse a lente ao tentar desbloquear o aparelho. Agora, a empresa corrigiu o problema posicionando o leitor abaixo da lente. De resto, é quase tudo igual - o que é ótimo, já que o S8 era um dos celulares mais elegantes do mercado, com boa pegada e visual requintado.

Além do sensor de digital, o S9 poderá ser desbloqueado por reconhecimento de face e de íris. O celular ainda tem duas saídas de som nas extremidades. reforçando o slogan da marca de "ter um cinema na palma da mão". Enquanto a tela infinita do S9 mede 5,8 polegadas, a do S9 plus tem 6,2. No mercado internacional, alguns clientes reclamaram de insensibilidade no touch screen. Mas na nossa manhã de testes, não identificamos grandes problemas.

Preço
Os Galaxy S9 e S9+ estarão disponíveis para pré-venda até o dia 19 de abril no site da empresa e nas lojas físicas. Durante este período, quem comprar o aparelho ganhará um DeX e um carregador rápido sem fio. Os smartphones estarão disponíveis nas cores preta, cinza titânio e ultravioleta, nova tonalidade que será a aposta da coreana para este ano. Eles chegarão ao mercado pelo valor de R$ 4,3 mil (S9) e R$ 4,9 mil (S9 ).

Cor ultravioleta é uma das novidades do novo modelo, que ainda vem em preto e cinza
Cor ultravioleta é uma das novidades do novo modelo, que ainda vem em preto e cinza



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.